Fim do home office: O cuidado para voltar ao trabalho presencial

O fim do home office

Com o avanço da vacinação no Brasil e a ”dose reforço” aplicada em mais de 1,1 milhão de pessoas em São Paulo, empresas voltam a discutir o trabalho presencial e a pergunta é: será o fim do home office?

Desde o início da pandemia, em março de 2020, empresas e colaboradores enfrentam muitos desafios quando se trata de trabalho e mobilidade, mas, com a ”dose reforço” da vacina no Brasil, também volta a esperança de sair do home office com menos riscos. Voltar a ter uma equipe forte, que mantém um clima de coletividade, empatia e comunicação assertiva, é muito importante para a cultura organizacional das empresas, principalmente quando todo esse espírito de equipe fica meio ”perdido” depois de meses dispersos do escritório devido ao home office.

Isso tem despertado preocupação nas empresas e é um dos motivos mais fortes para o fim do home office: manter o engajamento e o contato mais direto entre os colaboradores. Mas, para o fim do home office, também é preciso se atentar aos cuidados para voltar com o trabalho presencial e recuperar a sinergia no ambiente corporativo.

O cuidado para voltar ao trabalho presencial

Considerando que ainda existem muitos contágios por Covid e o principal motivo do isolamento social é cortar o contato com outras pessoas com o intuito de desacelerar essa propagação do vírus, o home office foi implantado por motivos sérios e necessários, então, para ser o fim do home office, é preciso planejamento e cuidado.

Quando falamos em trabalho e pensamos em locais com aglomeração de pessoas, a primeira imagem que surge em mente, sem dúvidas, é o transporte público! Só o metrô de São Paulo, por exemplo, transporta em média 5 milhões de passageiros todos os dias, contando 6 linhas, 101,1 km de extensão e 89 estações. Esses números, que se referem apenas à um dos modais públicos da cidade, mostram bem o quanto a questão ”mobilidade” precisa de atenção no fim do home office.

 

O fim do home office
Foto de 2020, quando o home office ainda estava em alta em São Paulo.

 

Mesmo com a alta do home office, os transportes públicos de São Paulo se encontravam assim, lotados! Isso porque os trabalhadores se deslocam nos mesmos horários, de regiões afastadas para os centros comerciais. Vendo isso, podemos imaginar a situação desses transportes quando for, realmente, o fim do home office.

 

O fim do home office

 

Como diminuir a exposição dos colaboradores no retorno ao trabalho presencial?

É comprovado que, a mobilidade interfere diretamente na rotina de trabalho, e você pode ter acesso ao conteúdo do no nosso E-book exclusivo e gratuito ”Os efeitos do transporte na rotina de trabalho” para saber mais.

A Letz é um serviço que soluciona o problema de transporte de funcionários, principalmente quando se trata da segurança no fim do home office. Apesar de também ser um serviço compartilhado, como o transporte público, a Letz diminui drasticamente a exposição dos trabalhadores ao vírus, já que esse compartilhamento acontece entre apenas 3 pessoas e dentro do conforto de um carro.

Outro ponto que deixa o serviço muito mais seguro, é não precisar se deslocar em nenhum momento para entrar no transporte. Ou seja, os colaboradores embarcam na porta de casa e vão direto para porta da empresa, sem sequer a necessidade de andar até um ponto de encontro.

Além disso, por ser um serviço compartilhado, a Letz proporciona valores muito mais acessíveis que outros aplicativos de mobilidade, além de ter um modelo de negócio 100% pensado para rotina de transporte corporativo.

Então, se você deseja o fim do home office e a volta do engajamento presencial da sua equipe, consulte as opções de contratos personalizados para sua empresa e garanta o cuidado necessário para uma rotina de mobilidade segura que refletirá em mais segurança para toda equipe, dentro e fora do local de trabalho.

 

O fim do home office

 

 

Curtiu esse conteúdo? Então acho que você também pode gostar:

Retrospectiva 2021: melhorias no aplicativo Letz Passageiro

Bem-estar corporativo: índice permite testar a saúde de colaboradores

Como a música influencia no comportamento do cliente?

 

Deixe o seu comentário

Sobre a letz

Uma empresa de tecnologia que oferece uma solução de mobilidade corporativa, tratando o trajeto diário para o trabalho de forma mais ágil e inteligente.

Últimos posts

Acompanhe

Dê um play no canal

Preencha para receber nossas dicas

Fique tranquilo, não vamos te enviar spam. Assine nossa newsletter ;)

Somos uma empresa de tecnologia que inova na maneira de levar e buscas você do trabalho para casa!

Baixe nosso aplicativo: